30 de Julho de 2019
SindiRádio lamenta a perda de Milton Jung
SindiRádio lamenta a perda de Milton Jung

 

NOTA DE PESAR
Milton Jung

 

O SindiRádio lamenta profundamente a perda do jornalista Milton Ferretti Jung, que faleceu neste domingo (28), aos 83 anos, em decorrência de choque séptico relacionado à infecção respiratória complicada por insuficiência renal. A entidade presta solidariedade à família e amigos deste profissional que marcou a comunicação gaúcha, com uma carreira intensa de radialista e locutor. Conhecido como “a voz do Rio Grande”, Milton se tornou conhecido do público principalmente como locutor do programa "Correspondente Renner", da Rádio Guaíba, veículo onde atuou por 56 anos.

Milton iniciou o trabalho na Rádio Guaíba em 1958 e em cinco anos, passou a apresentar o principal programa de notícias da emissora: o Correspondente Renner. Participou das coberturas de três Copas do Mundo: 1974, 1978 e 1986. Dois anos depois deixou a narração e, em 1998, voltou a descrever partidas de futebol na rádio, mas em jogos do Grêmio, seu clube do coração. Em 2012, se despediu dos microfones narrando os primeiros 15 minutos do último Gre-Nal disputado no estádio Olímpico. 

Milton Jung será sempre lembrado como um ícone do rádio, uma voz marcante e uma figura singular.

Camejo Soluções em Comunicação | 30 de Julho de 2019